quinta-feira, 30 de abril de 2015

LÍDER DO PT COBRA POSIÇÃO DE AÉCIO SOBRE “MASSACRE”

:
"Causa-me espécie o fato de que o novo paladino da luta dos trabalhadores, o defensor dos direitos da população trabalhadora brasileira, defensor-mor da democracia no Brasil, o candidato derrotado Aécio Neves, não veio hoje a esta tribuna, sequer ao Parlamento, para explicar o modus operandi do PSDB no que aconteceu ontem no Paraná", disparou o senador Humberto Costa (PT-PE), que classificou o episódio de "massacre"; senador Aloysio Nunes (PSDB-SP) defendeu a polícia e o governador tucano Beto Richa e disse que os PMs apenas impediram os manifestantes de entrar na Assembleia; segundo ele, movimentos sociais alinhados ao PT protagonizam situações piores
Pernambuco 247 - O líder do PT no Senado, Humberto Costa, classificou como um "massacre" os atos de violência protagonizados pela Polícia Militar do Paraná, durante confronto com professores na última quarta-feira (29). Cerca de 200 pessoas ficaram feridas e parte delas segue hospitalizada. "Gostaria aqui de expressar o meu mais profundo repúdio, do meu partido e da nossa bancada ao excesso de força da PM daquele Estado, governado pelo Sr. Beto Richa, do PSDB", disse o senador.
Humberto ainda cobrou uma postura crítica dos tucanos, em especial do senador Aécio Neves (PSDB-MG), em relação à condução de Beto Richa no episódio. "Aliás, causa-me espécie o fato de que o novo paladino da luta dos trabalhadores, o defensor dos direitos da população trabalhadora brasileira, defensor-mor da democracia no Brasil, o candidato derrotado Aécio Neves, não veio hoje a esta tribuna, sequer ao Parlamento, para explicar o modus operandi do PSDB no que aconteceu ontem no Paraná", ironizou.
O senador também alertou sobre a crise que vem vivendo aquele Estado. "O pagamento dos professores da rede estadual e a alteração do regime previdenciário da categoria caem como uma bomba sobre o novo discurso tucano de proteção dos trabalhadores. Como nunca foram reconhecidos por defender os direitos dos trabalhadores, e sim de grandes empresários e patrões, a contradição atual é interessante. Pasmem os senhores que a situação financeira no Paraná é tão grave que faltou dinheiro até para pagar as diárias dos policiais que estiveram de serviço ontem durante os protestos", denunciou o petista.
Segundo o líder do PT, faltou diálogo do gestor do PSDB com os professores. "O que vimos foi a utilização descabida e exagerada dos mecanismos de repressão contra um grupo de trabalhadores. Nós não somos favoráveis a tentativa de ocupar a Assembleia Legislativa, mas entendemos que não é da maneira como o Governo do Paraná enfrentou os grevistas que se deve construir o entendimento e construir a ação democrática do governo", avaliou.
O senador do PSDB paulista Aloysio Nunes rebateu o discurso do petista defendendo a Polícia Militar do Paraná e o governador Beto Richa. Segundo ele, os policiais apenas impediram os manifestantes de entrar na Assembleia, porque eles queriam impedir a votação. "A ideia de que vinham acompanhar a votação é conversa mole. Iam impedir a votação, ocupar os lugares na Assembleia, os lugares dos representantes do povo, para impedir que a sessão se realizasse", disse.
Ele comparou o episódio com outros protagonizados por movimentos ligados ao PT. "Eu penso, meu caríssimo líder do PT, que o seu partido é o menos autorizado para, entre todas as agremiações políticas, preconizar a prudência e a moderação, porque quando se trata de promover os interesses políticos do seu partido, por via dos chamados movimentos sociais, não há moderação, o que há é a tentativa de impor na marra os seus pontos de vista", declarou.
Ilustração Blog FARO FINO
ESSE É O REGRESSO  QUE O PSDB QUER PARA NOSSO PAÍS.
Comentários extraídos da internet sobre o tema em questão
FF- Esses são alguns dos comentários postados pelos internautas que ficaram indignados com o massacre contra a classe de professores.



RIDÍCULO RENAN SERIA DILMA COMPARTILHAR COM SUA TERCEIRIZAÇÃO ,
NO 1º DE MAIO.
FICOU BEM CLARO QUE ELA NÃO FAZ PARTE DESTA QUADRILHA DOS LATIFUNDIÁRIOS DO TRABALHOESCRAVO.COM VIDA O MORO, AÉCIO EA GLOBO.
GILSON O AÉCIO É SÓ UM LARANJA, O SAFADO ESTÁ´DENTRO DO JUDICIÁRIO, SENTADO EM CIMA DA LEI PRA ACABAR COM A CORRUPÇÃO.
ENQUANTO O BRASILEIRO NÃO SOUBER QUEM É O SAFADO, ELES VÃO NOS ENGANAR.COM LARANJAS COMO AÉCIO ,MORO, JOAQUIM,TIRIRICAS, ETC ,ETC ETC.
O BRASILEIRO QUE VOTA NO PSDB, AINDA NÃO SE DEU CONTA.
QUE O PSDB E UMA QUADRILHA QUE QUER VENDER O BRASIL. DESDE O GOV. DO FHC.QUANDO COMESSARAM VENDENDO A VALE, ESTE LAVA JATO NADA MAIS É O BRAÇO DO CRIME ORGANIZADO PRA QUEBRAR O PAIS,PRA PODER VENDER PREÇO DE SUCATA. JÁ CAUSOU 30 MIL DESEMPREGADOS.
QUEBRANDO OS AGIOTAS COMPRAM TUDO.
E A FINALIDADE E FAZER DO BRASIL UMA COLÔNIA DOS EUA. PRA TER MÃO DE OBRA BARATA.
POR ISSO QUE ELES NÃO INVESTE NA EDUCAÇÃO. SÓ QUER BRAÇOS SEM CÉREBROS. PRO TRABALHO ESCRAVO, E A CAMARÁ EO SENADO FOI REFORÇADO COM DINHEIRO DE FORA PRA O CUNHA COMPRAR ,300 ACOCHADORES PRA APROVAR TUDO QUE O LATIFUNDIÁRIOS QUISER
RENAN E CUNHA ESTÁ COM O PSDB E NÃO ESTÁ COM O P.T.LOBO COM PELE DE OVELHA E A

Agora tudo esta tão claro que não há como negar!!! esta declaração do Sr. Aloysio Nunes mostra claramente que o mesmo é contra uma educação digna de qualidade para o povo brasileiro. Mostra claramente que o Sr. Aloysio Nunes é mais um inimigo dos professores pois, estes teimam em querer educar o povo brasileiro coisa que eles e políticos iguais a ele não querem . Já imaginou que pesadelo para o sr se a maioria do povo brasileiro tivesse uma educação de qualidade e conseguissem fazer um análise crítica dos políticos brasileiros??? Seria terrível para o sr. não Aloysio Nunes??? Indivíduos com o seu caráter jamais alcançaria um cargo público. Que vergonha senador!!! Um senador brasileiro contra a educação do seu povo!!!

Maria Gorett de Almeida ·
Se todos são professores, ou se tem apoiadores e simpatizantes da greve, isso é problema deles. Eles podem aceitar apoio de quem quiserem. O problema é que quando chegaram, encontraram milhares de policiais armados e alguns com cães da raça Pitybull. Que recepçãofoi essa, para professores de carreira, que já deram aulas, inclusive para politicos, policiais e seus filhos. Cai na real. Tudo o que os professores buscavam era uma contra proposta e acompanhar a votação na ALEP. Abre essa mente. Tenta entender a gravidade dos fatos. Cade a negociação com a classe trabalhadora? Agora quem tem dificuldades no trabalho, salario defasado e um governo querendo confiscar o dinheiro da previdencia, tem que ficar calado e aceitar?i

Eliseu Santana
NÃO SE SABE A RAZÃO, NOS DEIXAMOS SER COMANDADOS PELA BANDIDA REDE GLOBO. O DESENVOLVIMENTO DO BRASIL PASSA PELA DESTRUIÇÃO DA GLOBO.

Elizabete Rodrigues Oliveira Mathieu · 
Fala Aécio fala.... Sou professora e os professores do Paraná, assim como toda a sociedade, estão esperando suas declarações sobre o comportamento do governo tucano do Paraná. Acho que o PSDB está começando a instalar a ditadura militar no Paraná. Solidariedade aos colegas professores do Paraná. Fala Aécio fala... ou está envergonhado do seu tucanato?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja prudente em seus comentários, agradeço sua visita.

Pela FÉ

Pela FÉ

De ponta a ponta ligado com o Mundo!

De ponta a ponta ligado com o Mundo!
FORUM PERMANENTE DE DEBATES Eis minha intenção em criar este espaço; as matérias que forem publicadas no FARO FINO, se produzirem comentários serão respondidas respeitando a opinião dos leitores. Todos os comentários devidamente assinados serão considerados e publicados, desde que não exponha a moralidade de pessoas. Evidentemente que comentários imorais ou que visem ridicularizar, humilhar pessoas também serão descartados.

Muitas vezes por sermos homens de projeção publica, posamos de vidraças, e as pedras dos insensatos, de longe são atiradas, mesmo não querendo o FARO FINO para essa finalidade, também posso ser pedra de estilingue, ou até a funda que Davi usou para tirar de orbita o gigante Golias.