segunda-feira, 30 de junho de 2014

Jacareacanga: Feira do produtor rural recebe incentivo


No último domingo (29/06) a Feira do Produtor Rural de Jacareacanga foi palco de um grande movimento com o objetivo de incentivar o pequeno produtor rural. O movimento capitaneado pela Prefeitura de Jacareacanga através das Secretarias de Agricultura e Assuntos Indígenas e com apoio da SAGRI, SENAR, EMATER e FETAGRI tem o objetivo de atrair para a feira consumidores que terão a oportunidade de comprar produtos agrícolas direto do produtor.

Quem visitou a feira no domingo além de testemunhar preços baixos também curtiu música ao vivo com cantores locais. O prefeito Raulien Queiroz esteve presente na feira e aproveitou para fazer compras e disse que os agricultores têm potencial para produzir. “Parabéns aos organizadores do evento e aos produtores rurais. É necessário que a população participe valorizando a produção local”, disse.

Inaugurada há um ano, fruto de uma pactuação da Prefeitura de Jacareacanga e Companhia Hidrelétrica Teles Pires, a Feira do Produtor Rural de Jacareacanga tem uma área construída de 710 m² e uma oferta de 48 boxes, além de banheiros, depósitos e sala de administração.
Apesar de ter um grande potencial para produção agrícola Jacareacanga nos últimos anos vem despontando para conquistar o mercado através do excedente da agricultura familiar, modelo de produção tradicional praticado no município.
Valorizando a identidade agrícola do povo Munduruku, a Secretaria de Assuntos Indígenas em parceria com a EMATER vem executando o projeto denominado de Farinha Munduruku e que já vem dando resultados positivos. De acordo com o secretário de assuntos indígenas Ivânio Alencar, as famílias indígenas que abraçaram o projeto estão tendo retorno financeiro considerável. “Algumas famílias já compraram grupo gerador de energia, televisores, motores de popa, fruto da produção da farinha de mandioca”, comemora Alencar. “Na feira a população tem a oportunidade de comprar a farinha por apenas 3 reais o quilo, preço abaixo do valor praticado no mercado local”, disse.

Já a Secretaria Municipal de Agricultura e Mineração-SEMAM aposta na força do produtor rural. Distribuindo gratuitamente sementes de feijão, milho, arroz, ofertar horas de trator para arar algumas propriedades rurais e dispor de técnicos agrícolas para orientação ao produtor rural, a SEMAM vem mudando aos poucos a velha prática de produção para consumo próprio, proporcionando ao pequeno agricultor a geração de renda. Para o secretário de municipal de agricultura Hélio Miranda as recuperações de vicinais como a do Jaburu e da Gleba 21 trarão mais incentivos e perspectivas de produção agrícola ao município. “No passado nossos produtores arcaram com prejuízos perdendo a produção por falta de estradas para escoar seus produtos. Agora temos estradas de qualidade, uma feira coberta com uma estrutura invejável, caminhão para transportar gratuitamente nossos agricultores e muita disposição de nossos produtores rurais. Queremos que a população prestigie os nossos produtores”, disse Miranda, acrescentando que no dia 3 de agosto vai acontecer mais um movimento de incentivo ao produtor rural. Escrito por Nonato Silva
Feira do Produtor Rural

Um comentário:

  1. Meu caro amigo Ivânio, eu vivi junto com você a expectativa de construir a feira, e com muito trabalho, conseguimos um belo espaço. O desafio agora é fazer a feira funcionar, e mais uma vez é você o grande responsável pelo sucesso da feira. Parabéns meu irmão, a tua luta mesmo que nem sempre seja reconhecida, nunca será em vão.

    ResponderExcluir

Seja prudente em seus comentários, agradeço sua visita.

Pela FÉ

Pela FÉ

De ponta a ponta ligado com o Mundo!

De ponta a ponta ligado com o Mundo!
FORUM PERMANENTE DE DEBATES Eis minha intenção em criar este espaço; as matérias que forem publicadas no FARO FINO, se produzirem comentários serão respondidas respeitando a opinião dos leitores. Todos os comentários devidamente assinados serão considerados e publicados, desde que não exponha a moralidade de pessoas. Evidentemente que comentários imorais ou que visem ridicularizar, humilhar pessoas também serão descartados.

Muitas vezes por sermos homens de projeção publica, posamos de vidraças, e as pedras dos insensatos, de longe são atiradas, mesmo não querendo o FARO FINO para essa finalidade, também posso ser pedra de estilingue, ou até a funda que Davi usou para tirar de orbita o gigante Golias.