quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Povo MUNDURUKU realiza o 1º FESTIVAL DA MANDIOCA - Aldeia Sai Cinza

A aldeia Sai Cinza realizou hoje o I FESTIVAL DA MANDIOCA com os alunos do ensino médio e professores Erlandia, Marques, Everton do SOME.
Estiveram no evento às professoras Geandria Kabá coordenador do SOME Indígena, Edna Ferreira diretora da escola Haroldo Veloso, Socorro Lopes vice diretora e o secretário da escola Marciano Zanella. Foram convidados, o secretário de Assuntos Indígena Ivânio Alencar, Margomante da Agricultura, Claudionor Diretor de Tributos, Augusto Martins diretor Indígena, Arildo Técnico Agrícola e Isaías Krixi vereador.
Os alunos apresentaram de uma forma simples aos convidados, a história que deu origem ao tema do festival da mandioca, as equipes fizeram uma apresentação oriunda de sua cultura e tradição. Pois cada equipe ficou responsável por apresentar um tema e após a apresentação, houve a tradicional visita de todos os convidados a exposição dos alimentos da cultura indígena nas barracas, onde os alunos explicavam a importância de cada alimento, e ao final houve o tradicional ritual de dança MUNDURUKU, onde homens, mulheres e crianças fizeram suas apresentações. 
Após as apresentações foi facultada a palavra ao secretário Ivânio Alencar, onde  agradeceu o convite e parabenizou os organizadores do evento e se colocou novamente a disposição para apoiar o segundo festival, disse também que o governo de Raulien Queiroz tem dado sua contribuição na educação dos alunos do ensino médio, o secretário, sugeriu aos organizadores e da coordenadora do SOME Geandria Kabá que esse projeto seja levado em frente e que haja um intercambio entre os alunos da aldeia e da sede do município para ampliar seus conhecimentos. 
Já a diretora Edna da escola Haroldo Veloso, enfatizou que esse intercambio será importante sim e trará aos indígenas um conhecimento amplo, pois a parceria entre estado e município, é a certeza da valorização da cultura e dos alunos, a diretora, agradeceu o apoio da prefeitura em nome do prefeito Raulien, através das secretarias Indígena e de Agricultura  para a realização do evento. 


A coordenadora Geandria Kabá, demonstrou alegria diante de todos por ser mais uma etapa cumprida em sua gestão como coordenador do SOME, parabenizou todos os alunos e professores que se empenharam para a realização do festival. 

Para o secretário de Agricultura Margomante, é a certeza da garantia e qualidade dos produtos apresentados pelos indígenas no festival, o mesmo estendeu apoio para o próximo festival por acreditar na importância do mesmo para a cultura Munduruku. 

Já para o vereador Isaías Krixi, ver os alunos realizarem esse festival já é uma grande alegria por saber que a educação indígena tem sortido efeito nas comunidades que funciona o ensino médio, fez referencia as secretarias, indígena e da Agricultura, e ao prefeito por estarem irmanados nessa causa.

A comunidade Sai Cinza, realizou esse evento na certeza de valorizar cada prato típico da tradição Munduruku, além das iguarias da cultura Munduruku, os convidados provaram um delicioso TACACÁ, bolo de puba, bolo de tapioca, peixe assado, macaxeira cozida e frita, farinha de tapioca, farinha de mandioca que a comunidade produziu para o evento, e um delicioso almoço para os convidados, onde foram servidas a tradicional caldeirada que estava uma delicia e que foi oferecida pelos professores do SOME em especial a professora Erlandia que mostrou seus dotes culinários. Não podemos deixar de agradecer a presença da EMATER, que tem sido uma grande aliada nas ações das secretarias, sempre buscamos uma parceria com o coordenador Raimundo Delival, que tem sido um parceiro nessas ações onde envolvem a Prefeitura Municipal de Jacareacanga e governo do Estado. Parabéns Povo Munduruku. Fotos Augusto Martins-Reproduzido do Blog SEMAI-Jacareacanga
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja prudente em seus comentários, agradeço sua visita.