terça-feira, 3 de abril de 2012

Amazonas em vigilância

Mais recursos para atender as vítimas de enchentes no AM
O Amazonas terá mais R$ 8 milhões para socorro e assistência às  vítimas das cheias dos rios Juruá e Purus. O governo federal anunciou a  liberação do montante nessa sexta-feira (30). A enchente pode ser a  maior da história do estado nos últimos 50 anos. O governo estadual já  destinou a essas regiões cerca de 100 toneladas de cestas básicas, kits  de limpeza e higiene pessoal, medicamentos e kits dormitório.
O Ministério da Integração Nacional e o governo do estado firmaram  ainda termo de cooperação para o repasse de até R$ 30 milhões para ações  de reconstrução, que devem começar assim que o nível de água dos rios  diminuir. Até o momento, oito municípios estão em situação de emergência  – Envira, Eurinepé, Guajará, Ipixuna, Carauarí, Itamarati e Juruá, Boca  do Acre. Mais de 27.500 famílias foram afetadas pelas enchentes.
O ministério também vai investir R$ 40 milhões nas áreas rurais de 15  municípios do Amazonas. Estes recursos, liberados nessa sexta-feira  (30), fazem parte do Programa Água para Todos. É o primeiro convênio do  programa fora do semiárido brasileiro.
Neste ano, serão instalados 8.418 sistemas de abastecimento de água,  sendo 8.320 de captação e armazenamento de água da chuva (8 mil  domiciliares e 320 coletivos, com substituição de 1,6 mil telhados de  palha); e 98 sistemas de abastecimento de água subterrânea, dos quais 78  serão com torneiras públicas e 20 com ligação domiciliar. As ações vão  ser executadas nas calhas dos rios Purus, Solimões, Negro e Amazonas,  beneficiando cerca de 53 mil moradores, distribuídos nos municípios de  Beruri, Tapauá, Canutama, Lábrea, Pauini, Anamã, Anori, Caapiranga,  Manacapuru, Manaquiri, Barcelos, Santa Isabel do Rio Negro, São Gabriel  da Cachoeira, Careiro da Várzea e Itacoatiara.
Matéria copiada:http://www.amazonfest.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja prudente em seus comentários, agradeço sua visita.