terça-feira, 6 de março de 2012

Policia do Pará incinera plantação de 5 mil pés de maconha


Pará - Uma plantação de maconha, com cerca de 5 mil pés, foi destruída no último final de semana, em Ipixuna do Pará, município do nordeste do Estado, pelas polícias Civil e Militar. Três homens foram presos em flagrante - dois responsáveis pelo cultivo da erva e o dono da plantação. O delegado Raphael Souza informou nesta segunda-feira (5) que a destruição da plantação foi o resultado de meses de investigação, que tinha como alvo a prisão do traficante Francimar dos Santos Oliveira.....
O delegado contou que os policiais do município foram informados que Francimar era dono de uma plantação de maconha na comunidade da Ribeira, na zona rural. A equipe esteve no local e conseguiu confirmar a denúncia.
Conhecido na região como "Brega", Francimar Oliveira foi detido e conduzido à Delegacia para ser interrogado. Ele negou ser traficante de drogas na região. "Como as investigações demonstravam com clareza a existência e localização da plantação, pedimos apoio à Polícia Militar para capturar os traficantes e destruir a plantação", informou o delegado. 
Na madrugada do último domingo (4), a equipe comandada pelo delegado Raphael Souza, que incluía policiais civis e militares, saiu para localizar a plantação. Após 30 minutos de caminhada em mata fechada, os policiais encontraram quase 5 mil pés de maconha. Os policiais também localizaram um barracão usado na secagem da droga, onde estavam Rubens do Nascimento Conceição, de apelido "Preto", e Rosenildo Nunes de Criston, apelidado de "Nildo".
Os dois admitiram que trabalhavam no cultivo da maconha e apontaram Francimar como o dono da plantação. "Como o local é de difícil acesso, dentro da mata fechada, e a quantidade de pés de maconha era muito grande, a maioria foi destruída no local, e apenas cerca de 500 pés foram levados para a Delegacia. Também encontramos no barracão três armas de fogo, sendo duas espingardas calibre .36 e uma escopeta de fabricação caseira. Apreendemos ainda um saco com cerca de dois quilos de maconha já seca, pronta para a venda", informou Raphael Souza.
Francimar dos Santos Oliveira, Rubens do Nascimento Conceição e Rosenildo Nunes de Criston foram acusados de tráfico de drogas. Eles serão encaminhados ao Centro de Recuperação Regional de Paragominas, onde permanecerão à disposição da Justiça.

Fonte: Agência Pará e blog do Beto Paranatinga

2 comentários:

  1. Valeu bicho, os poliça deve ter ficado malucão com tanta fumaça na cabeça.

    ResponderExcluir
  2. Infelizmente, essa ação só pegou aqueles que não tem poder de influenciar no trafico de Drogas, enquanto os verdadeiros traficantes estão passeando em seus carrões e vivendo bem em suas mansões. esses rapazes são mais um das vitimas desses marginais das drogas. Valeu policia, parabéns. HUMBERALDO RAMIRES -ITACOATIARA-AM

    ResponderExcluir

Seja prudente em seus comentários, agradeço sua visita.